Crime, perversão e exotismo em João do Rio / Crime, Exoticism, and Perversion in João do Rio

Luiz Morando

Resumo


Resumo: Breve análise de três contos de João do Rio, publicados em Dentro da noite. O estudo destaca-lhes os traços que permitem ler nesse autor as relações entre as novas normas de urbanidade e de cosmopolitismo, vigentes a partir da reforma urbana do Rio de Janeiro, e as marcas de exotismo e perversão manifestas nas situações narrativas e nas personagens.

Palavras-chave: João do Rio; crime; Modernidade.

Résumé: Brève analyse de trois récits de João do Rio, publiés dans le livre Dentro da noite. L’étude met en évidence les traits qui permettent de voir dans cet auteur les rapports entre des nouvelles normes d’urbanité et de cosmopolitisme, en vigueur depuis la réforme de Rio de Janeiro, et les marques d’exotisme et de perversion chez les situations narratives et les personnages.

Mots-clés: João do Rio; crime; Modernité.


Palavras-chave


João do Rio; crime; Modernidade.

Texto completo:

PDF

Referências


BENJAMIN, Walter. Sobre alguns temas em Baudelaire. In: ___. Obras escolhidas III: Charles Baudelaire – um lírico no auge do capitalismo. Trad. José Carlos Martins Barbosa e Hemerson Alves Baptista. São Paulo: Brasiliense, 1989. p. 103-149.

DEL BRENNA, Giovanna Rosso (Org.). O Rio de Janeiro de Pereira Passos: uma cidade em questão II. Rio de Janeiro: Index, 1985.

PASTURA, Ângela F. Perricone. Imagens de Paris nos trópicos. Rio de Janeiro: Papel Virtual Editora, 1999.

PECHMAN, Robert Moses. Cidades estreitamente vigiadas: o detetive e o urbanista. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2002.

RIO, João do. Dentro da noite. São Paulo: Antiqua, 2002.

RIO, João do. Vida vertiginosa. São Paulo: Martins Fontes, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2317-2096.20.3.149-157

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2010 Luiz Morando



Aletria: Revista de Estudos de Literatura
ISSN 1679-3749 (impressa) / ISSN 2317-2096 (eletrônica)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.