“Deus me livre de dizer com isso que a sua indicação está errada”: correspondência de Mário de Andrade e Graco Silveira

Ricardo Gaiotto de Moraes

Resumo


Resumo: Ainda que não contenha um número abundante de cartas, a correspondência entre Mário de Andrade, então diretor do Departamento de Cultura, e Graco Silveira, então professor da Escola Normal Complementar de Itapetininga, apresenta nexos que revelam um diálogo em torno da língua nacional, das variantes linguísticas e do folclore do interior do estado de São Paulo. Este artigo busca, por meio da leitura dessa correspondência e de artigos publicados em periódicos, como O Estado de S. Paulo e Revista do Arquivo Municipal, reconstituir alguns dos nexos desse diálogo, que surgiu graças ao convite de Mário de Andrade para que Graco Silveira participasse apresentando uma comunicação no Congresso de Língua Nacional Cantada, de 1937, organizado pelo Departamento de Cultura.

Palavras-chave: correspondência; Mário de Andrade; Graco Silveira; língua nacional.

Abstract: Although there is no abundant number of letters, the correspondence between Mário de Andrade, then director of the São Paulo´s Department of Culture, and Graco Silveira, then professor of the Normal Complementary School of Itapetininga, presents links that reveal a dialogue around the Brazilian´s national language, language variants and folklore of the interior of the state of São Paulo. This article aims to reconstitute some of the nexuses of this dialogue, by comparing the the correspondence with articles published by Graco Silveira in newspapers and magazines, such as O Estado de S. Paulo and Revista do Arquivo Municipal. The dialogue between the two authors started thanks to an invitation by Mario de Andrade to Graco Silveira by presenting a paper at the Congress of National Singing Language (Congresso de Língua Nacional Cantada), which took place in São Paulo in 1937, and was organized by the Department of Culture.

Keywords: correspondence; Mário de Andrade; Graco Silveira; national language.


Palavras-chave


correspondência; Mário de Andrade; Graco Silveira; língua nacional.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, A. N. Edição crítica d’A Gramatiquinha da fala brasileira de Mário de Andrade. 2013. 584 f. Dissertação (Mestrado em Literatura Brasileira) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. 2 v.

ANDRADE, M. Feitos em França. In: ______. O Empalhador de passarinho. 2. ed. São Paulo: Martins, 1955a. p. 30-37.

ANDRADE, M. O baile dos pronomes. In: ______. O Empalhador de passarinho. 2. ed. São Paulo: Martins, 1955b. p. 263-268.

ANÚNCIO da Monteiro Lobato & Cia. Revista do Brasil, ano 7, v. 19, n. 74, 1922.

BERRIEL, C. E. O. A uiara enganosa. In: ______. (Org.). Mário de Andrade hoje. São Paulo: Ensaio, 1990. p. 133-177.

CANDIDO, A; MELLO E SOUZA, G. Pio & Mário, diálogo da vida inteira: a correspondência entre o fazendeiro Pio Lourenço Corrêa e Mário de Andrade, 1917-194. Rio de Janeiro; São Paulo: Ouro sobre Azul; SESC, 2009.

DE LUCA, T. R. Língua: edificação da cultura nacional. In: ______. A Revista do Brasil: um diagnóstico para a (N)ação. São Paulo: Editora Unesp, 1999. p. 239-296.

GRACO Silveira Santos. O Estado de S. Paulo, p. 33, 25 out. 1970.

MORAES, M. A. Orgulho de jamais aconselhar: a epistolografia de Mário de Andrade. São Paulo: Edusp, FAPESP, 2007.

MORAES, R. G. Mário de Andrade no Diário de Notícias: o método e a crítica circunstancial. 2007. 115 f. Dissertação (Mestrado em Teoria e História Literária) – Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2007.

MORAES, R. G. Tive o desejo apenas de lhe dar todos os esclarecimentos que podia. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São Paulo, n. 67, p. 255-262, ago. 2017. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2018.

NOGUEIRA, A. G. R. Inventário e patrimônio cultural no Brasil. História, v. 26, n. 2, p. 257-268, 2007.

NORMAS para a boa pronúncia da Língua Nacional no Canto Erudito. Revista do Arquivo Municipal, ano 4, v. 49, p. 5-54, set. 1937.

PENA, M. L. (Org.). Correspondência: Mário de Andrade & Luiz Camillo de Oliveira Netto. São Paulo: Edusp, IEB, 2013.

PINTO, E. P. (Org.). A gramatiquinha de Mário de Andrade. São Paulo: Duas Cidades, Secretaria de Estado da Cultura, 1990.

SERPA, E. O congresso de língua nacional cantada de 1937. Diálogos, v. 1, p. 71-66, 2001.

SINTRA, A. Rapshódias. O Combate, ano 10, n. 2710, p. 4, 23 jun. 1924.

SILVEIRA, G. A linguagem e o canto. O Estado de S. Paulo, p. 9, 14 jul. 1946.

SILVEIRA, G. Alguns traços do dialeto caipira e do subdialeto da Ribeira. In: CONGRESSO DA LÍNGUA NACIONAL CANTADA, 1., jul. 1937, São Paulo. Anais... São Paulo: Departamento de Cultura, 1938. p. 505-510.

SILVEIRA, G. Carta a Mário de Andrade, 16 abr. 1937. Arquivo Mário de Andrade, IEB-USP.

SILVEIRA, G. Carta a Mário de Andrade, 24 fev. 1938. Arquivo Mário de Andrade, IEB-USP.

SILVEIRA, G. Em torno de um congresso. O Estado de S. Paulo, p. 52, 11 abr. 1970.

SILVEIRA, G. Linguagem e sociologia. O Estado de S. Paulo, p. 4, 13 jan. 1937a.

SILVEIRA, G. Linguagem popular e literária. [S.l.]: [s.n.], dez. 1937b.

SILVEIRA, G. Sobre a origem da linguagem. Revista do Arquivo Municipal, v. 32, fev. 1937c.

SILVEIRA, G. Tarde no Paranapiacaba. Caldas de São Pedro, São Pedro, n. 21, p. 3, 8 nov. 1936.




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2358-9787.27.1.119-136

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ricardo Gaiotto de Moraes

O Eixo e a Roda: Revista de Literatura Brasileira
ISSN 0102-4809 (impressa) / ISSN  2358-9787 (eletrônica)

License

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.