Paul Auster Topógrafo: O Espaço Urbano Contemporâneo

Luis Alberto Brandão Santos

Resumo


As narrativas de Paul Auster são representações topográficas da cultura urbana contemporânea. Escrever é esboçar mapas dos espaços sociais, investigar a instabilidade desses mapas e a dimensão ficcional de tais espaços.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2317-2096.5.0.107-123

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 1997 Luis Alberto Brandão Santos



Aletria: Revista de Estudos de Literatura
ISSN 1679-3749 (impressa) / ISSN 2317-2096 (eletrônica)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.