Em estado de tradução: Manuel Puig e Lars von Trier

Graciela Ravetti

Resumo


Resumo: Leitura de dois textos (La traición de Rita Hayworth, romance de Manuel Puig e Dancer in the dark, filme de Lars von Trier) nos quais é possível capturar de que maneira certas formas como a dos musicais melodramáticos — muito difundidas e já clássicas do fazer cinematográfico hollywoodiano — foram recepcionadas por pessoas que viviam em sociedades periféricas, estigmatizadas por carências econômicas e culturais, entre outras. Trabalha-se também com a possibilidade de reconstruir hipoteticamente o modo como essas formas e suas significações, habitualmente rotuladas de alienantes, foram transformadas em instrumentos, se não de liberação, pelo menos de consolo e de alimento nas horas de resistência à dor e ao sofrimento humanos.

Palavras-chave: cinema; literatura; América Latina; pós-colonialismo.

Abstract: This paper presents a reading of two texts, namely La traición de Rita Hayworth, Manuel Puig’s novel, and Dancer in dark, a film by Lars von Trier. This analysis aims at an investigation of the reception of the already widespread classical style of Hollywood movies, like the musical melodrama, by those who live in peripheral societies, marginalized by economic and cultural lack, among others. It deals with the possibility of reconstructing hypothetically the way these forms and their significance, generally labelled as alienating, were transformed into instruments, if not of liberation, at least of solace and nurturing in moments of resistance to pain and human suffering.

Keywords: movies; literature; Latin America; post-colonialism.


Palavras-chave


movies; literature; Latin America; post-colonialism.

Texto completo:

PDF

Referências


AMÍCOLA, José. Camp y posvanguardia. Manifetaciones culturales de un siglo fenecido. Buenos Aires: Paidós, 2000.

AMÍCOLA, José; SPERANZA, Graciela. (Comp.) Encuentro internacional Manuel Puig. Rosario: Beatriz Viterbo, 1998.

IMITATION OF LIFE. Dir. Douglas Sirk. Universal, 1959.

JENKINS, Henry. A arte emergente. Folha de S. Paulo. São Paulo, 14 jan. 2001. Caderno Mais!

MAGNIFICENT OBSESSION. Dir. Douglas Sirk. Universal, 1954.

De MAN, Paul. Visión y ceguera. Puerto Rico: Editorial de la Universidad de Puerto Rico, 1991.

MASSIELO, Francine; AMÍCOLA, José; SPERANZA, Graciela (Comp.). Encuentro Internacional Manuel Puig. Rosario: Beatriz Viterbo, 1998.

MATURANA, Humberto. Emoções e linguagem na educação e na política. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1998.

MONSIVÁIS, Carlos. South of the border, down México’s way. El cine latinoamericano y Hollywood. In: ______. Aires de familia. Cultura y sociedad en América Latina. Barcelona: Anagrama, 2000. p.51-78.

NESTROVSKI, Arthur. Felicidade obrigatória. Folha de S. Paulo, São Paulo, 14 dez. 2000. Caderno Mais!

PUIG, M. La traición de Rita Hayworth. Barcelona: Seix Barral, 1997.




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2317-2096.8.0.232-240

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2001 Graciela Ravetti



Aletria: Revista de Estudos de Literatura
ISSN 1679-3749 (impressa) / ISSN 2317-2096 (eletrônica)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.