Palavras, sons e imagens em cartaz: aspectos de intermidialidade no romance Benjamin, de Chico Buarque, e na adaptação cinematográfica de Monique Gardenberg

Leila Cristina Barros

Resumo


A obra de Chico Buarque revela forte vocação para explorar o terreno da intertextualidade, seja ela em forma de paráfrase, paródia, pastiche, alusão, ou ainda de tradução, tendência que culminou em uma obra ficcional intimamente vinculada ao cinema. Além do caráter intertextual, multiplos aspectos intermidiais podem ser detectados tanto no livro Benjamim como no filme homônimo de Monique Gardenberg: a linguagem cinematográfica do romance e as várias mídias
presentes e relacionadas intimamente entre si, dentro do filme. A combinação e a fusão dessas relações intertextuais e intermidiáticos, no romance e na adaptação, remetem-nos ao conceito de transtextualidade – desenvolvido por Gérard Genette a partir dos termos “dialogismo”, de Mikhail Bakhtin, e “intertextualidade”, de Julia Kristeva, e apropriado pelo crítico de cinema Robert Stam.

Texto completo:

PDF

Referências


AUMONT, Jacques; MARIE, Michel. Dicionário Teórico e Crítico de Cinema. Trad. Eloisa Araújo Ribeiro. São Paulo: Papirus, 2003.

BENJAMIM. Direção: Monique Gardenberg. São Paulo: Europa Filmes, 2004. 1 DVD (108 min.), Letterbox (4x3), color.

BUARQUE, Chico. Benjamim. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

CARVALHAL, Tânia Franco. Literatura comparada: a estratégia interdisciplinar. Revista Brasileira de Literatura Comparada, Niterói, ABRALIC, v. 1, p. 9-21, 1991.

CLÜVER, Claus. Estudos Interartes: conceitos, termos, objetivos. Literatura e Sociedade, São Paulo, USP, n. 2, p. 37-55, 1997.

CLÜVER, Claus. Estudos Interartes: introdução crítica. Trad. Yung Jung Im e Claus Clüver, rev. Helena Buescu. In: BUESCU, Helena Carvalhão; DUARTE, João Ferreira; GUSMÃO, Manuel (Org.). Floresta encantada: novos caminhos da literatura comparada. Lisboa: Dom Quixote, 2001, p. 333-362.

GENETTE, Gérard. Palimpsestos: a literatura de segunda mão. Extratos traduzidos do francês por Luciene Guimarães e Maria Antônia Ramos Coutinho. Cadernos do Departamento de Letras Vernáculas, Belo Horizonte, UFMG/Faculdade de Letras, 2005. 99 p. Extratos: capítulos 1, 2, 7, 40, 41, 45, 80.

GENETTE, Gérard. Palimpsests: Literature in the Second Degree. Trad Channa Newman e Claude Doubinsky. Lincoln: University of Nebraska Press, 1997.

HOUAISS, Antônio. Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

PAULINO, Graça; WALTY, Ivete; CURY, Maria Zilda. Intertextualidade na recepção. In: PAULINO; WALTY; CURY. Intertextualidades: teoria e prática. Belo Horizonte: Lê, 1985, p. 54-58.

PAULINO, Graça; WALTY, Ivete; CURY, Maria Zilda. Relações entre textos verbais e não-verbais. In: PAULINO; WALTY; CURY. Intertextualidades: teoria e prática. Belo Horizonte: Lê, 1985, p. 47-53.

RUIZ, Simone. Benjamim é videoclipe de Cléo Pires. Globo On Line. 30 set. 2003. Disponível em: Acesso em: 16 Jul. 2004.

SANT’ANNA, Affonso Romano de. No anti-herói, a denúncia da realidade. Em encarte do disco “História da música popular brasileira – Grandes compositores: Chico Buarque”. São Paulo: Abril Cultural, 1982.

STAM, Robert. Do texto ao intertexto. In: STAM, R. Introdução à teoria do cinema. Trad. Fernando Mascarello. Campinas: Papirus, 2003, p. 225-236.

STAM, Robert. Introduction: The Theory and Practice of Adaptation. In: STAM, Robert; RAENGO, Alessandra (Org.). Literature and Film: a Guide to the Theory and Practice of Adaptation. London: Blackwell Publishing, 2005, p. 1-52.

SÜSSEKIND, Flora. Escalas e ventríloquos. Folha de São Paulo, São Paulo, 23 jul. 2000. Caderno Mais, p. 4-11.




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2317-2096.14.2.122-136

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2006 Leila Cristina Barros



Aletria: Revista de Estudos de Literatura
ISSN 1679-3749 (impressa) / ISSN 2317-2096 (eletrônica)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.